Estão abertas as inscrições para o cargo temporário de recenseador do concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No Distrito Federal, são 2.604 vagas para o Censo Demográfico 2021. O cadastro começa nesta terça-feira (23) e vai até o dia19 de março.

O edital para o concurso foi publicado na quinta-feira (18). Ao todo, são 204,3 mil vagas temporárias no Brasil. Além do cargo de recenseador, há inscrições abertas, desde sexta-feira (19), para as funções de agentes censitário supervisor (ACS) e municipal (ACM), que vão até 15 de março (veja mais abaixo).

O certame é organizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). As inscrições são pela internet e devem ser feitas no site da instituição.

Veja detalhes das vagas no Distrito Federal:

  • 2.604 vagas para função de recenseador: remuneração por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos
  • 42 vagas para a função de agente censitário municipal: salário de R$ 2,1 mil
  • 248 vagas para função de agente censitário supervisor: salário de R$ 1,7 mil
O edital havia sido divulgado em 2020, mas foi cancelado devido à pandemia de coronavírus. O processo seletivo autorizado tem menos vagas previstas que a edição anterior: 208.695 vagas. A previsão era receber quase 2 milhões de inscrições.
IBGE abre inscrições para 181.898 vagas de recenseador
IBGE abre inscrições para 181.898 vagas de recenseador

Recenseador

Para participar da seleção de recenseador, o candidato precisa ter ensino fundamental completo. A função é para coleta de dados por meio de entrevista com moradores.

O contrato tem duração mínima de três meses e pode ser prorrogado, a depender da necessidade de conclusão das atividades do Censo Demográfico de 2021 e na disponibilidade de orçamento.

A remuneração é calculada por produção, com base:

  • No número de unidades visitadas;
  • Taxa de remuneração dos setores censitários;
  • Número de questionários respondidos;
  • Número de pessoas recenseadas

O recenseador não tem horário fixo. Espera-se que dedique ao menos 25 horas por semana, inclusive nos feriados e fins de semana. Em média, há 300 domicílios por setor censitário.

O tempo de coleta de um setor varia segundo suas características e o tempo diário que o recenseador dedica ao trabalho. É possível que um recenseador consiga completar mais de um setor ao longo do período da coleta.

O IBGE informou que as provas serão objetivas. Para o cargo de recenseador, elas serão aplicadas em 25 de abril “seguindo os protocolos sanitários de prevenção da Covid-19”.

Prova para recenseador:

  • Prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório
  • 4 horas de duração, aplicada no turno da tarde
  • 10 questões de Língua Portuguesa
  • 10 questões de Matemática
  • 5 questões sobre Ética no Serviço Público
  • 25 questões de Conhecimentos Técnicos
  • O conteúdo programático está disponível nos editais.

Os gabaritos preliminares serão divulgados no dia seguinte à aplicação das provas, a partir das 19h, no site do Cebraspe. O resultado final dos aprovados será divulgado em 27 de maio. A previsão de contratação é para julho.

Agente censitário

DF tem 2,6 mil vagas abertas para cargo de recenseador no concurso do IBGE — Foto: Reprodução / FAEPE

DF tem 2,6 mil vagas abertas para cargo de recenseador no concurso do IBGE — Foto: Reprodução / FAEPE

O agente censitário precisa ter ensino médio completo. Ele é responsável por gerenciar postos de coleta, além de desenvolver funções administrativas, como controle de recursos humanos e materiais.

São dois tipos de agentes, um deles é responsável pela supervisão da operação censitária, com foco nas questões técnicas e de informática e administrativas. No caso do municipal, ele será responsável por acompanhar, avaliar e, sobretudo, orientar os recenseadores durante a execução dos trabalhos de campo.

Na função dos agentes, o contrato tem duração de cinco meses e também pode ser prorrogado. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias.

Para o cargo, as provas também serão objetivas e aplicadas presencialmente em 18 de abril. Veja planejamento: