Segundo PCDF, homem de 34 anos vinha ‘insistentemente’ tentando estabelecer um relacionamento sexual com criança, e diante da negativa, a ameaçava de morte. Mãe da vítima que registrou ocorrência.

Neste sábado (6), a Polícia Civil do Distrito Federal deflagrou a operação Fahrkarte e prendeu um homem, de 34 anos, que estava assediando sexualmente uma menina de 10 anos de idade. O caso aconteceu na comunidade do Bananal, situada na Fercal.

A mãe da criança que registrou a ocorrência policial, na 35ª Delegacia de Polícia, em Sobradinho II. Segundo ela, o homem de 34 anos vinha “insistentemente” tentando estabelecer um relacionamento sexual com a menina, e diante da negativa, a ameaçava de morte.

De acordo com a investigação da polícia, o autor começou o assédio elogiando a vítima. Depois falou para ela brincar no quintal para ele poder ficar vendo e depois passou a chamá-la de “amor” e “princesa”, entre outros apelidos.

Segundo a PCDF, o autor tinha o costume de entregar para a criança bilhetes amorosos, sempre mandando ela os devolver ou os rasgar, sob a ameaça de matar os seus familiares. Por não aguentar mais a situação e “aterrorizada” com o assédio, a criança guardou o último bilhete e relatou o ocorrido para sua mãe, que imediatamente procurou a polícia.

O homem foi preso preventivamente por tentativa de estupro de vulnerável e será recolhido na carceragem da PCDF.

A palavra Fahrkarte, que dá nome a operação, significa bilhete em alemão.