O médico urologista Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes é formado pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro e atua, no momento, como cirurgião geral, especializado em postectomia robótica. Ele irá explicar neste artigo o que é 4kscore e qual sua função para o câncer de próstata.

 

O Doutor diz que até muito recentemente, a biópsia, realizada preferencialmente por ultrassonografia transretal, era a única forma de diagnosticar o câncer e, mesmo assim, poderia não ser efetivo. Quando o PSA (antígeno prostático específico) apontava níveis elevados o paciente poderia evitar as biópsias, que são mais invasivas.

 

Mas afinal o que é 4kscore e como ele ajuda no diagnóstico? O Mestre e Doutor em urologia Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes explica que o 4kscore é um teste no sangue que avalia os biomarcadores de 4 variantes da molécula de proteínas da próstata – PSA total; PSA livre; PSA intacto e hK2. Então, o teste melhora a capacidade com que os médicos têm para identificar quais homens devem ou não passar pela biópsia de próstata, a fim de evitar, pelo menos, 50% de biópsias desnecessárias.

 

Portanto, os exames de PSA e toque retal ainda devem ser realizados antes do 4kscore, mas esse último apresenta resultados significativos com os outros exames disponíveis ou não. Se o homem estiver com elevação dos níveis sanguíneos ou com nódulos detectáveis no toque retal, pode realizar o teste de 4kscore.

 

O Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes diz que o maior benefício do teste são seus resultados, que ajudam a identificar homens com câncer de próstata de alto risco, além de calcular o risco de mortalidade ou de possível desenvolvimento de metástases a longo prazo.